Cartaz Zootecnista mulher

Dia 13 de Maio - Dia do Zootecnista

Tecnologia que gera ganho de produtividade, bem-estar animal e desenvolvimento sustentável. Isso é trabalho do zootecnista!

O Brasil conquistou a posição de maior produtor e exportador de carne bovina. As exportações de carne suína também estão sendo ampliadas e existem importantes mercados para a carne caprina e ovina. A produção de proteína animal é um dos pilares da economia brasileira.

O zootecnista contribui para o avanço do setor agropecuário na produção animal. Ele tem conhecimentos no campo científico e tecnológico. Ele trabalha na criação animal, nutrição, manejo, pesquisa, bem-estar, melhoramento genético e gestão da produção animal, contribuindo para o desenvolvimento produtivo e sustentável.

De onde estiver, o zootecnista monitora o rebanho em tempo real. Podendo tomar decisões com agilidade, agregando valor à produção e garantindo a qualidade de seus produtos com eficiência econômica. Ele é capaz de gerenciar, planejar e administrar empreendimentos do agronegócio, como fazendas, granjas, agroindústrias, envolvendo-se desde a produção até a comercialização, dinamizando e tornando eficaz o processo.

O zootecnista também está no zoológico, em laboratórios, indústrias de ração, exposições e feiras agropecuárias. Além disso, ele atua na responsabilidade técnica da criação de animais de companhia, seja para esporte ou lazer.

No dia 13 de maio, em que se comemora o Dia do Zootecnista, os Conselhos Federal e Regionais de Medicina Veterinária (Sistema CFMV/CRMVs) parabenizam esses profissionais por desempenhar atividades importantes para o país.

Ao longo de 50 anos, a profissão se expandiu e hoje o Sistema CFMV/CRMVs conta com cerca de 8 mil zootecnistas atuantes e 15 mil inscritos.

Parabéns zootecnista por seu importante trabalho à sociedade e ao agronegócio no Brasil !

Zootecnia de Precisão

A modernização acelerada da pecuária - acompanhando a agricultura - conduziu a zootecnia de precisão. Trata-se de uma tecnologia desenvolvida especialmente para englobar todas as atividades rotineiras de uma fazenda. De uma forma mais direta, ela permite que o pecuarista efetue um planejamento minucioso a cada dia, erradicando perdas.

Quando aplicada nas fazendas de gado de corte, a zootecnia de precisão, mesmo no caso de grandes rebanhos, permite ao pecuarista tomar decisões precisas e de forma rápida sobre quaisquer coisas acerca do seu rebanho, já que o monitoramento dos animais é feito em tempo real. Esta tecnologia compõe um conceito denominado “fazenda inteligente” pelos especialistas. Na zootecnia de precisão, o rebanho é monitorado 24 horas por dia por meio de câmeras, microfones e sensores. Para se ter ideia, quando um animal começa a apresentar comportamento anormal ou sintomas de doenças, facilmente ele é identificado junto aos demais, isolado (se for o caso) e tratado.

Campanha do Dia do Zootecnista do CFMV

Com o objetivo de homenagear os zootecnistas brasileiros, o Sistema CFMV/CRMVs lança uma campanha que reconhece o valor desse profissional no país. Com o tema “Tecnologia que gera ganho de produtividade, bem-estar animal e desenvolvimento sustentável. Isso é trabalho do zootecnista”, a ação mostra que o profissional faz muito mais do que todos imaginam. Ele tem conhecimentos no campo científico e tecnológico. Ele trabalha na criação animal, nutrição, manejo, pesquisa, bem-estar, melhoramento genético e gestão da produção animal, contribuindo para o desenvolvimento produtivo e sustentável.  E, de onde ele estiver, poderá monitorar seu trabalho.

O Campanha consiste em posts em mídias sociais, mensagens de parabenização ao zootecnista via WhatsApp e e-mail marketing; twittbon; spot de rádio; publicidade em sites do agronegócio; e anuncio e envio de adesivos na Revista do CFMV. Além disso, haverá várias ações por meio dos Conselhos Regionais de Medicina Veterinária (CRMVs). Muitos estados vão divulgar a campanha em rádio, outdoor, busdoor e em jornais e revistas locais.

Histórico

O Dia do Zootecnista é comemorado em 13 de maio pois foi nesta data, em 1966, que ocorreu a aula inaugural do primeiro curso superior de Zootecnia do Brasil, na Pontifícia Universidade Católica (PUC), na cidade de Uruguaiana (RS). O curso de Zootecnia da PUC Uruguaiana não está mais em funcionamento.

 

Artigos relacionados
O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Ceará (CRMV-CE) doou, em parceria com a Vereadora Cláudia Gomes, 370kg de ração em apoio às atividade...
Continue lendo...
DOCUMENTAÇÃO OBRIGATÓRIA PARA SOLICITAÇÃO DE INSCRIÇÃO (os documentos, excetos os requerimentos, deverão ser apresentados em fotocópia autenticada ou fotocópia ...
Continue lendo...
...
Continue lendo...